Verguia
Viviane Oliveira
Marmita Fit
Anuncie aqui
#Incômodo

Mulher que grita durante o ato sexual deve ser presa, afirma Advogado

O homem foi identificado como Maurice Ampaw, morador da cidade de Acra.

10/02/2020 15h07
Por: Redação Verguia
Fonte: My Joy Online
Reprodução Imagem ilustrativa/Arquivo
Reprodução Imagem ilustrativa/Arquivo

– Conforme uma reportagem publicada pelo site My Joy Online, um advogado está causando uma grande controvérsia em Gana, após afirma que uma mulher que ‘geme’ muito alto durante o sexo está cometendo um crime e tem que ser presa.

O homem foi identificado como Maurice Ampaw, morador da cidade de Acra.

Acra é a capital do Gana, na costa atlântica da África Ocidental.

Ele é um advogado e político famoso e tem planos de ser o presidente do país em 2024.

De acordo com o site, o advogado diz que ‘gemer’ viola os direitos dos outros e deve ser interrompido.

 “Se você está fazendo o alto, eu não consigo dormir. Em uma casa composta, você e todos não podem dormir. Logo, você está infringindo meus direitos à privacidade e está cometendo um crime, porque está cometendo o que chamamos de incômodo.

Tudo o que faz barulho, tudo o que o deixa desconfortável, é um incômodo”, disse Ampaw.

“Depois que eu terminei com um árduo dia de trabalho às 7 horas, cheguei ao meu quarto e esse cara e essa garota vieram para a cidade para descansar. Eu estava deitado, antes de eu perceber, a cama [deles] estava fazendo barulho. Depois que acordei, não consegui dormir e a garota estava gemendo alto”, disse o advogado.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Rolim de Moura - RO
Atualizado às 15h01
27°
Pancada de chuva Máxima: 32° - Mínima: 23°
30°

Sensação

5 km/h

Vento

81.5%

Umidade

Fonte: Climatempo
Waw cursos
Viviane Oliveira
Leo Envelopamentos
Pipa
Leo Pizzas
Municípios
Carlinhos verso
Elson Moraes
Carlinhos frente
Othon Producoes
Últimas notícias
Mais lidas