Verguia
Viviane Oliveira
Marmita Fit
Anuncie aqui
Liberação do corpo

Corpo de Gugu Liberato deixa hospital após retirada de órgãos para doação

A informação foi confirmada pelo irmão Amandio Liberato e pela assessoria do apresentador

24/11/2019 22h53
Por: Redação Verguia
Fonte: Folhapress
Reprodução Assessoria
Reprodução Assessoria

O corpo de Gugu Liberato deixou o hospital Orlando Health Medical Center, nos EUA.

A informação foi confirmada pelo irmão Amandio Liberato e pela assessoria do apresentador.

A cirurgia para retirada dos órgãos foi realizada esta noite e madrugada (sábado para domingo) e durou mais de seis horas.

O comunicado reforça que os órgãos são única e exclusivamente doados e que esse era um desejo de Gugu.

Familiares perguntaram à equipe médica se seria possível doar algum órgão para um paciente brasileiro que estivesse na fila para transplante, porém foram informados que não seria possível por questões da distância e tempo de conservação dos órgãos doados.

Terminada a cirurgia de retirada dos órgãos, o corpo foi levado para o instituto responsável pelas necropsias e laudos (o equivalente ao IML no Brasil) onde, por lei, são encaminhados todos os corpos de falecidos de morte não natural.

Nesse local um médico legista fará o exame necessário. Nossa expectativa é que esse exame deve ser feito amanhã (segunda-feira).

Somente depois disso será liberado para a retirada pela agência funerária, possivelmente no período da tarde.

Ainda não temos mais informações sobre os próximos passos: dia e horário da liberação do corpo na funerária, translado para o Brasil, velório e sepultamento.

O corpo de Gugu Liberato deixou o hospital Orlando Health Medical Center, nos EUA.

A informação foi confirmada pelo irmão Amandio Liberato e pela assessoria do apresentador.

A cirurgia para retirada dos órgãos foi realizada esta noite e madrugada (sábado para domingo) e durou mais de seis horas.

O comunicado reforça que os órgãos são única e exclusivamente doados e que esse era um desejo de Gugu.

Familiares perguntaram à equipe médica se seria possível doar algum órgão para um paciente brasileiro que estivesse na fila para transplante, porém foram informados que não seria possível por questões da distância e tempo de conservação dos órgãos doados.

Terminada a cirurgia de retirada dos órgãos, o corpo foi levado para o instituto responsável pelas necropsias e laudos (o equivalente ao IML no Brasil) onde, por lei, são encaminhados todos os corpos de falecidos de morte não natural.

Nesse local um médico legista fará o exame necessário. Nossa expectativa é que esse exame deve ser feito amanhã (segunda-feira).

Somente depois disso será liberado para a retirada pela agência funerária, possivelmente no período da tarde.

Ainda não temos mais informações sobre os próximos passos: dia e horário da liberação do corpo na funerária, translado para o Brasil, velório e sepultamento.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Rolim de Moura - RO
Atualizado às 23h16
27°
Muitas nuvens Máxima: 32° - Mínima: 24°
31°

Sensação

3 km/h

Vento

85.9%

Umidade

Fonte: Climatempo
Promoções em serviços
Waw cursos
Leo Pizzas
Leo Envelopamentos
Pipa
Viviane Oliveira
Municípios
Elson Moraes
Carlinhos verso
Othon Producoes
Carlinhos frente
Últimas notícias
Mais lidas