Verguia
Pedir Música Chat
Quinta, 13 de Maio de 2021 20:01
+55 69 9 8432 5660
Dólar comercial R$ 5,31 0.15%
Euro R$ 6,42 +0.19%
Peso Argentino R$ 0,06 +0.11%
Bitcoin R$ 277.437,65 -9.921%
Bovespa 120.819,7 pontos +0.93%
Brasil #Natureza

Cumulonimbus com raios e topo ultrapassado é fotografada em Teresina, Piauí.

Ela também provocou raios positivos.

17/04/2021 19h21 Atualizada há 4 semanas
Por: Redação Verguia Fonte: @Maykon Sousa
@ Rafael Junior
@ Rafael Junior

Uma linda nuvem Cumulonimbus foi registrada em Teresina, capital do Piauí. Inicialmente ela tinha uma coloração branca, e mais tarde ficou com uma cor alaranjada forte, bastante semelhante à que chamou a atenção dos moradores da Bahia em 19 de março de 2020.

Essa nuvem Cumulonimbus registrada em Teresina tinha um overshooting top (topo ultrapassado) devido à sua intensa corrente de ar ascendente.

Ela também provocou raios positivos.

Um topo ultrapassado (ou topo penetrante) é uma protuberância em forma de cúpula que sai do topo da bigorna de uma tempestade e vai para a estratosfera inferior.

Quando um topo ultrapassado está presente por 10 minutos ou mais, é uma indicação forte de que a tempestade é severa.

Quando uma tempestade se forma, as nuvens se acumulam verticalmente na atmosfera até que a corrente de ar ascendente da tempestade (ar quente ascendente) alcance um nível de equilíbrio (NE); o ponto em que o ar circundante tem aproximadamente a mesma temperatura ou até mais quente. Esse ponto de equilíbrio geralmente é marcado pela tropopausa.

Em vez de continuar a subir na estratosfera, o crescimento vertical da nuvem para abruptamente e, em vez disso, as nuvens se espalham horizontalmente, formando uma forma de "bigorna" no topo da tempestade.

Um topo ultrapassado se forma quando a corrente de ar ascendente de uma tempestade, devido ao impulso da rápida ascensão e força de elevação através da camada convectiva livre (CCL), projeta seu nível de equilíbrio, formando uma estrutura em forma de cúpula acima da bigorna.

Isso pode ocorrer com qualquer nuvem Cumulonimbus quando a instabilidade é alta. Enquanto as bigornas se formam no nível de equilíbrio, os topos de ultrapassagem continuam até o nível máximo da parcela (NMP).

Muitas tempestades exibem um pico excessivo em algum ponto de seu ciclo de vida. Em tempestades mais fracas, o topo ultrapassado tem vida curta e geralmente assume uma aparência rala. Se o topo excedente estiver subindo e descendo de forma cíclica, com cada protuberância persistindo apenas alguns minutos, isso pode indicar que a tempestade está pulsando e não tão forte quanto uma tempestade com topo contínuo.

Um topo ultrapassado com duração de mais de 10 minutos é um sinal de uma forte corrente de ar ascendente em uma tempestade, indicando uma forte probabilidade de que a tempestade esteja produzindo clima severo.

Se o topo ultrapassado for contínuo, é uma indicação de maior probabilidade de que a tempestade seja uma supercélula, ou seja, uma tempestade em rotação. Durante um forte tornado, o topo excedente pode rolar ou dobrar conforme uma nova atividade sobe na parte de trás enquanto a frente do topo oscilante desmorona na tempestade. Durante um tornado de longo curso, todo o topo da tempestade, incluindo o topo ultrapassado, pode cair por milhares de pés.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Rolim de Moura - RO
Atualizado às 20h47 - Fonte: Climatempo
27°
Poucas nuvens

Mín. 19° Máx. 31°

29° Sensação
10 km/h Vento
74.7% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (14/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 21° Máx. 33°

Sol com algumas nuvens
Sábado (15/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 21° Máx. 33°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias