Domingo, 23 de Junho de 2024
19°C 34°C
Rolim de Moura, RO
Publicidade

‘Padre dos balões’: web volta a viralizar áudios antes de morte; ouça

Pároco embarcou com cerca de 1.000 balões e só foi encontrado quase três meses após o início da viagem

17/05/2024 às 11h14 Atualizada em 17/05/2024 às 11h20
Por: Avelino Alves Fonte: @ Redação com Redes Sociais
Compartilhe:
Padre dos balões iniciou aventura a fim de arrecadar fundos para ação beneficente - Foto: Reprodução/Redes Sociais
Padre dos balões iniciou aventura a fim de arrecadar fundos para ação beneficente - Foto: Reprodução/Redes Sociais

Após 16 anos, o caso do “padre dos balões” voltou a viralizar, nesta sexta-feira (17), após compartilharem áudios antes de sua morte. O pároco brasileiro marcou a história ao se arriscar, no ano de 2008, em um voo de balões de gás hélio.

Adelir Antônio desejava chamar a atenção para a causa dos caminhoneiros, a qual possuía atuação.

O objetivo do pároco era arrecadar verbas para a construção de um “hotel” para o descanso dos motoristas, que passavam por Paranaguá (PR).

Antes do fatídico episódio, o “padre dos balões” já possuía experiência em vôos desse tipo, viajando até a Argentina. Nesse caso, Adelir desembarcou de Ampére (PR) e ficou quatro horas suspenso por 600 balões até San Antonio.

No dia 20 de abril de 2008, o pároco se equipou com cerca de 1.000 balões, paraquedas, traje térmico e impermeável, GPS, telefone via satélite e muito mais.

Adelir estava preparado para a aventura, porém o clima arruinava seus planos.

Início da viagem

Na data, tão aguardada pelo aventureiro, que tinha experiência como pára-quedista, o céu amanheceu nublado e sob chuva. Focado em seu propósito, o “padre dos balões” não desistiu de alçar voo.

Após uma missa especial, acompanhada por fiéis e pela imprensa, Adelir subiu aos céus com os milhares de balões.

A intenção do sacerdote era pousar em Dourados, no Mato Grosso do Sul, após 20 horas de viagem.

Sob a hipótese do mau tempo, os planos de Adelir sofreram alterações foras de cogitação. Em 20 minutos de partida, a “engenhoca” já estava a cerca de 5.800 metros de altitude, o dobro do que planejavam àquela altura da viagem.

Em determinado momento do trajeto, a equipe que auxiliava o padre perdeu contato com o celular via satélite.

Durante seus últimos áudios, Adelir comunica que a bateria do aparelho estava fraca.

Adelir desembarcou às 13h e às 21h, realizou o último contato. Ouça (abaixo) as interações do padre com a equipe:

Padre dos balões foi encontrado?

As autoridades encontraram o corpo do ‘padre dos balões’ no dia 4 de julho de 2008, quase três meses após o acidente. Os restos mortais do pároco estavam próximos à costa de Maricá, no Rio de Janeiro.

Um exame de DNA comprovou a identidade.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Papo Reto
Sobre o blog/coluna
Papo Reto no contidiano, uma visão extremamente pessoal e imparcial.
Héliton Batista é ex-militar, boina verde, Capelão, redator, repórter fotográfico, especialista em sistemática de segurança eletrônica, pai por 4 vezes, esposo. Entre outras experiências de vida.
Ver notícias
Rolim de Moura, RO
28°
Tempo limpo

Mín. 19° Máx. 34°

28° Sensação
2.05km/h Vento
46% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
07h24 Nascer do sol
06h51 Pôr do sol
Seg 35° 20°
Ter 36° 20°
Qua 37° 21°
Qui 37° 21°
Sex 35° 23°
Atualizado às 18h05
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,43 +0,00%
Euro
R$ 5,81 0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,13%
Bitcoin
R$ 362,980,41 -1,29%
Ibovespa
121,341,13 pts 0.74%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias